21 de jun de 2009

Um dia de domingo



Eu preciso te falar,
Te encontrar de qualquer jeito,
Pra sentar e conversar,
Depois de andar de encontro ao vento.

Eu preciso respirar o mesmo ar que te rodeia,
E na pele quero ter o mesmo sol que te bronzeia.

Eu preciso te tocar e outra vez te ver sorrindo.
Já não dá mais pra viver um sentimento sem sentido

Eu preciso descobrir a emoção de estar contigo.
Ver o sol amanhecer e ver a vida acontecer,
Como um dia de domingo.

Faz de conta que ainda é cedo,
Tudo vai ficar por conta da emoção.
Faz de conta que ainda é cedo,
E deixar falar a voz do coração...
Tim Maia

Nenhum comentário:

Postar um comentário